Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Residencial Breno Garcia é entregue em Gravataí

Publicação:

37 CAPA site
Secretário José Stédile (d) representou o governador Eduardo Leite na atividade - Foto: Saul Teixeira - Ascom SOP/RS
Por Saul Teixeira - Ascom SOP/RS

O secretário estadual de Obras e Habitação, José Stédile, representou nesta sexta-feira (03) o governador Eduardo Leite na entrega de unidades habitacionais em Gravataí, na Região Metropolitana. Com a presença do ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, foram entregues as chaves para 848 famílias de um total de 1.012 unidades previstas na segunda fase do residencial Breno Garcia. O governo do Estado, por meio da SOP, investiu R$ 5 milhões no empreendimento que também conta com aporte dos governos federal e municipal.

As casas possuem 40 metros quadrados, dois dormitórios, banheiro, cozinha, sala e área de serviço externa, além de placas de energia solar. “Estou adorando”, resumiu a dona de casa, Leila Beatriz Santiago, 40 anos, que está morando no residencial desde o mês de fevereiro. “A qualidade de vida melhorou bastante”, completou o esposo Darlan da Silva, 46 anos.

Stédile destacou a união do governo federal, do município e do Estado para a concretização do empreendimento. “A obra ficou perfeita. O deficit habitacional é um dos principias desafios da gestão pública na região metropolitana. Gravataí é exemplo a ser seguido”, refletiu, fazendo referência ao loteamento que no total comportará 2.025 famílias com renda de zero a três salários mínimos.

Stedule capa breno
Stédile destacou que empreendimento é "modelo a ser seguido" por combater o deficit habitacional - Foto: Saul Teixeira - Ascom SOP/RS

O empreendimento, conforme o ministro, dialoga com a diretriz do governo federal com foco no desenvolvimento das regiões. “Conforme a condução do presidente Jair Bolsonaro, trabalhamos com a lógica menos Brasília e mais Brasil”, disse Gustavo Canuto, lembrando que os recursos são oriundos do Tesouro Nacional. “O Breno Garcia é fruto do esforço de toda a população brasileira através do pagamento de impostos”, completou. 

“Hoje é um momento de festa, de comemoração. É a vitória da comunidade”, salientou  prefeito Marco Alba, lembrando que residencial é o maior da região sul. Ele também elogiou o papel do governo federal através do Programa Minha Casa Minha Vida. “A expectativa é fortalecer esse modelo de empreendimento que favorece as pessoas que mais precisam. Casa própria é o principal bem material do ser humano”, completou, destacando que a localidade conta com toda a infraestrutura viária, Escola Comunitária de Educação Infantil, Unidade de Saúde da Família (USF) e Centro de Referência em Assistência Social (CRAS).

capa casa
As casas possuem 40 m², 2 dormitórios, banheiro, cozinha, sala e área de serviço externa, além de placas de energia solar - Foto: Saul Teixeira - Ascom SOP/RS

A secretaria de Obras e Habitação também esteve representada pelo secretário-adjunto Vicente Pires, a diretora de Regularização Fundiária, Letícia Gomes, além de técnicos dos departamentos de Habitação e de Regularização Fundiária.

Secretaria de Obras e Habitação