Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Municípios em situação de emergência pauta atuação da SOP

Publicação:

videoconferencia
Municípios com situação de emergência receberão recursos para a perfuração de poços e a instalação de redes de água - Foto: Wagner Motta
Por Saul Teixeira - Ascom SOP/RS

O secretário de Obras e Habitação, José Stédile, participou nesta segunda-feira (11) de videoconferência com o subchefe da Defesa Civil, Coronel Rodrigo da Silva Dutra. Trataram sobre a identificação dos municípios com decreto de situação de emergência em todo o Estado devido a estiagem.

"Estamos definindo o formato, mas já podemos adiantar que os municípios que tiverem os decretos de emergência homologados pela Defesa Civil serão contemplados com alguma ação do ponto de vista da irrigação, como por exemplo, a perfuração de poços", destacou Stédile.

Os recursos terão como fonte o governo do Estado, através do Fundo de Recursos Hídricos, que destinará R$ 3,5 milhões; o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), com aporte de R$ 6 milhões; além da Fundação Nacional da Saúde (Funasa), com investimento de R$ 29,1 milhões.

Conforme levantamento da Defesa Civil, 366 cidades gaúchas solicitaram situação de emergência junto à Defesa Civil. "Reforçamos a necessidade de que os decretos sejam reconhecidos pelo governo do Estado através da Defesa Civil", completou Stédile.

SAIBA MAIS

O tema voltou a ser debatido em reunião online entre o titular da SOP no Comitê de Políticas Sociais e Educação no turno da tarde.

A atividade reuniu os secretários de Estado Catarina Paladini (Justiça, Cidadania e Direitos Humanos) e Tânia Moreira (Comunicação), além da delegada Nadine Anflor e da assessora da Secretaria do Planejamento (Seplag), Daiane Menezes.

e675d9e9 61d7 438d bc7a c2a6322c2f88
Stédile e titular da Secom, Tânia Moreira - Foto: Wagner Motta - SOP/RS

Cada integrante relatou as ações e propostas em andamento em suas estruturas.

Secretaria de Obras e Habitação