Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Audiência Pública debate realidade da habitação em Campo Bom

Publicação:

6 edts ]
Stédile esteve em Campo Bom buscando exemplos para a política habitacional - Foto: Ítalo Dalpiás - SOP/RS
Por Saul Teixeira - Ascom SOP/RS

Em busca de modelos exitosos de gestão que inspirem o trabalho à frente da secretaria estadual de Obras e Habitação, o secretário José Stédile participou da 2a Audiência Pública de Habitação liderada pela Câmara de Vereadores de Campo Bom. Na pauta os desafios da moradia no âmbito local, bem como as metas alcançadas a partir da primeira edição da atividade, ocorrida em abril de 2017.

Stédile destacou que a cidade de Campo Bom é exemplo a ser seguido pela maneira com que superou os principais desafios na habitação, alcançando 96% das metas estabelecidas através da regularização de 941 lotes no município. “É papel da SOP desenvolver parcerias com as prefeituras, Câmara de Vereadores e cooperativas para impulsionarmos a política habitacional no Estado. Queremos regularizar o máximo de áreas possíveis nos 497 municípios”, completou.

Os trabalhos foram conduzidos pelo presidente da Comissão Especial de Habitação e Loteamentos Populares, vereador Tiago Souza. A audiência também tratou sobre demandas que chegaram a Comissão de Habitação no ano de 2018, como a necessidade de aperfeiçoar a infraestrutura dos lotes regularizados.

10 edts
Audiência pública foi promovida pela Câmara de Vereadores - Foto: Ítalo Dalpiás - SOP/RS

Também presentes na reunião ocorrida na última quarta-feira (08), o vice-prefeito Beto Santos, o secretário municipal de Desenvolvimento Social e Habitação, Eduardo Assmann, os vereadores Victor Souza, Jair Wingert e Joceli Fragoso, além de representantes da Caixa Econômica Federal, Corsan, Correios, RGE Sul, Coorporativas Habitacionais e membros das associações de moradores.

*Com informações da Câmara de Vereadores de Campo Bom

Secretaria de Obras e Habitação